Modern technology gives us many things.

Polícia Militar esclarece situação envolvendo reintegração de posse na área rural

Corporação nega que 50 famílias tenham sido desabrigadas em plena a pandemia

0

Corporação nega que 50 famílias tenham sido desabrigadas em plena a pandemia

A assessoria do 3° Batalhão da Polícia Militar de Vilhena encaminhou à imprensa, na manhã desta sexta-feira, 18, nota esclarecendo uma reintegração de posse ocorrida no último dia 08, nos lotes 75 e 85 da antiga Fazenda Vilhena. A ação foi divulgada por alguns sites de notícias, afirmando que mais de 50 famílias tinham sido desabrigadas em plena a pandemia.

CONFIRA NOTA NA ÍNTEGRA

Com relação a matéria publicada em alguns sites sobre a reintegração de posse dos lotes 75 e 85 da antiga fazenda Vilhena, as informações reais sobre o cumprimento da ordem judicial são: com dez dias de antecedência ao cumprimento da ordem judicial, foi realizada uma reunião com representantes do Ministério Público, Poder Judiciário, Secretaria de Assistência Social, Conselho Tutelar e advogados das partes que ficaram cientes da data em que a decisão seria cumprida, bem como informaram aos ocupantes da área que a reintegração iria acontecer.

No dia da reintegração apenas 5 famílias estavam no local. Foi providenciado caminhões e trabalhadores braçais para realizar o transporte de bens pessoais, além de ônibus para transporte humanizado de pessoas que porventura estivessem na área.

No local, os órgãos públicos se depararam com edificações construídas com madeiras provenientes de crime ambiental (desmatamento ilegal).

Órgãos competentes fizeram estudo de situação e constataram que as famílias cientificadas da reintegração possuem propriedades na área urbana de Vilhena e região, não sendo verdadeira a afirmação que famílias teriam sido deixadas na rua. Esses estudos continuarão sendo feitos para evitar situações de vulnerabilidade social e constatar bens e posses de ocupantes de áreas em litígio.

Por Assessoria 3ºBPM

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.